Na Hee-Kyung Cantora e Compositora de Bosa Nova

Na Hee-Kyung cantora e compositora de 24 anos uma Coreana apaixonada por música brasileira lançou seu segundo álbum com a Sony Records em 11 de Outubro.

O álbum “Hee Na” é composto por 15 canções que são interpretações de músicas do início do período da bossa nova por mestres da música brasileira, Antônio Carlos Jobim e Baden Powell (de Aquino).  Outras musicas representadas no álbum são jazz e músicas contemporânea Brasileira.

Colaboradores junto a Hee-Kyung incluem o baterista Cesar Machado e o lendário guitarrista de jazz Roberto Menescal.  Ela está preparando sua estréia Europeia neste inverno de 2011 – boa sorte Hee-Kyung!

Anúncios

Passeio do Mês de Novembro à Bukchon Hanok Village

Fizemos um passeio no Sábado dia 20 de Novembro ao bairro Bukchon em Seul.  Bukchon significa literalmente a aldeia ao norte. Nosso guia foi o jovem arquiteto Daniel Taendler que nos mostrou  três fases de construção de uma casa típica tradicional Coreana a “Hanok”. Aprendemos que a arquitetura Coreana leva em consideração não somente o posicionamento do terreno mas também as estações do ano, utilizando as leis da ciência natural deixando o ambiente bem arejado e fresco durante o verão e quente durante os mêses de muito frio.  Que sua beleza e simetria é uma característica importante em manter à tradição. A estrutura de uma Hanok é inteirinha de madeira , papel Hanji e barro e é combinada com elementos decorativos, além de seus aspectos funcionais.

Dentro da construção - aprendento sobre os espaços e de que forma eles eram usados, e como ele vai servir ao novo propetário.

Medindo e remedindo porque uma Hanok não leva pregos. Todas as partes encaixa certinho na construção.

O pátio dentro de uma Hanok é uma parte essencial, um espaço onde as tarefas do dia a dia eram feitas, aonde os visitantes eram recebidos e até mesmo cerimônias de casamento foram realizadas antigamente. Esse espaço usualmente tem a forma do caractere chinês “口” que significa dentro. O caráter chinês para uma árvore é “木”. Ao juntar os dois caracteres faz “困”, que significa problemas. Mas o fato que uma Hanok não tem arvores nesse espaço pode ser uma coincidência. As árvores e flores são plantadas no jardim atrás da casa ao invés da frente que permite que a casa mantenha fresca no o verão e quente durante o inverno.

O anchae (quartos das mulheres) e sarangchae (quartos dos homens) são em forma de quadrados e são paralelos um ao outro e são co-ligados por um par de quartos de cada lado.  Fechando a porta para o sarangchae garantia privacidade do lado feminino.

Banheiro em uma Hanok que foi completamente remodelada e que vai ser alugada como parte do programa "Hanok Stay".

Durante sua estadia em Seul, talvez passa um fim de semana em uma Hanok.  Veja informações abaixo – elas são lindas e cheias de charme.

  1.   http://yoos-home.blogspot.com/
  2.   http://www.bukchon72.com/
  3.   http://english.visitkorea.or.kr/enu/AC/AC_EN_4_8.jsp?gotoPage=1&category=B0201&areaCode=1&menuId=hanok&cid=351668&anchor=
  4.   http://www.teaguesthouse.com/english/index.php

Ou ligue para :

• 1330 tt call center: +82-2-1330

(Coreano, Inglês, Japonês, Chinês)
• Bukchon Hanok Village – Centro de Informações Turísticas: +82-2-3707-8388
(Inglês, Japonês)

“Nós moldamos nossos edifícios; depois eles nos moldam.” Sir Winston Churchill (1874-1965)

Participação do Brasil no Korea Food Expo 2011

Em 9 – 12 de Novembro Brasil participou no Korea Food Expo a maior feira da industria de alimentos da Coréia. A feira dá compradores e expositores acesso a globalidade na indústria de alimentos coreano, permitindo grandes negócios e parcerias.

A feira é patrocinada pelo Ministério da Alimentação, Agricultura, Florestas e Pescas (Ministry for Food, Agriculture, Forestry and Fisheries), do governo coreano, e foi hospedado por Coex, a maior organizadora do país de exposições e centro de convenções.

A Korea Expo teve muitas representações nas áreas de :

  • Exposição Internacional de Alimentos
  • Exposição de Equipamentos para Hotéis e Restaurantes
  • Exposição de MakGeolRi
  • Exposição de Produtos para a Indústria da Carne
  • Exposição de Produtos e Acessórios para Cozinha
  • Exposição de Arroz
  • Exposição de Máquinas e Equipamentos para a Indústria Alimentícia
  • Exposição de Alimentos Orgânicos
  • Seoul Cooking Show
  • Desfile de Moda e Gastronomia

 

Nanta – Teatro Sem Diálogo

No final de 1990 um novo gênero de teatro nasceu em Corea. O espetáculo que se chama Nanta. Uma peça teatral sem o uso de palavras que usa apenas gestos e  mímicas.  O enredo é inteiramente ao redor de uma cozinha em um restaurante quando  os chefs de cozinha recebem a ordem do gerente que eles tem apenas uma hora para preparar um banquete para uma grande festa de casamento sem aviso prévio.  O que acontece depois entre as diversas personalidades é muito engraçado e o palco entra com uma energia dinâmica e uma intensidade e que deixa todos pulando no acento com o ritmo de sons de panelas batendo, vassouras varrendo, pato voando e facas picando vegetais na tábua, tambores, dança, um pouco de acrobacias e também comédia pastelão.

O show introduziu o mundo, e também uma grande parte da Corea ao dinamismo do povo Coreano usando elementos da cultura moderna junto ao tradicional.  A representação artística tem sido um grande sucesso em muitas capitais mundial.  A coreografia é maravilhosa, a interação entre o elenco vibrante e os ritmos irregular (de tambores samul nori) serve para manter o desempenho atraentes do início ao fim.  O show tem a duração de 1.5 horas sem qualquer diálogo.

Não perca a chance de ver…

Estação Cultural de Seul 284

Por quase oito décadas a Estação ferroviária de Seul (서울역), tem servido a cidade até 2004 quando uma nova construção foi feita para acomodar o novo trem-bala, o KTX. Nos anos seguintes, os moradores perto da antiga estação reclamaram que a estação uma vez considerada o orgulho da cidade tinha sido abandonada.  Depois de cinco anos em 2009 o Ministério da Cultura, Esporte e Turismo em parceria com a estatal Fundação Coreana de Artesanato e Design juntou para criar a Estação Cultural de Seul 284, (Culture Station Seoul 284). O projeto de restauração com o valor de KW21,3 bilhões (US$20 milhões) e que levou 2 anos para completar com o fim de situá-lo como um espaço cultural cuja sua história está intimamente ligada à história da cidade.

Hoje a Estação Cultural de Seul 284 virou um projeto arquitetônico e cultural hospedando grandes obras por artistas contemporâneos Coreano.  As exposições de arte temporária é apropriado para um local acostumado a momentos transitórios.

Os líderes da cidade deixaram a função original da estação intacto, no caso em que as tensões entre as duas Coreas será um dia restaurada e a estação pode voltar a conectar Seul com o resto da Ásia e Europa por via ferroviária.

Old Seoul Station (구서울역사) Literalmente significa Edifício da Antiga ou Velha Estação. Originalmente a estação era chamado Keijo Station (Gyeongseong) que foi desenhado pelo arquiteto Tsukamoto Yasushi da Universidade Imperial de Tóquio. O projeto construído durante a colonização Japonesa e foi inaugurada em novembro de 1925. Este edifício de tijolos vermelhos, projetado em estilo eclético, possui uma cúpula de estilo bizantino central e um layout centralizado e simétrico. A estação foi rebatizada de “Estação de Seul”, em 1947.

Participação do Brasil no Bazar Anual da SIWA Junto Com a Comunidade Diplomática

O Bazar anual da SIWA junto com a comunidade diplomática é o maior evento beneficente de expatriados que arrecada fundos para mais de 30 instituições de caridade Coreana.  Participem !

Terá comidas, vinhos, queijos, artesanatos e entretenimento de diverso países.  Brasil terá duas barracas, uma na área de comidas que vai ter para venda empadinha, couxinhas, vatapá e brigadeiro caseiro e outra vendendo artesanatos de pedra semi preciosas e produtos da Natura.

Terça Feira, 15 de Novembro

9:30 – 3:00

Grand Hilton Convention Center (02-3216-5656)

201-1 Hongeun-Dong, Seodaemun-gu, Seoul

Preço de entrada KW10,000   …    tickets@siwapage.com

Se acaso você não tiver tempo para shopping venha apenas para o almoço.

Concerto de Música Clássica Pela Pianista Brasileira Leda Kim

Leda Kim, pianista Brasileira morando em Seul terá o seu concerto no Sábado dia 19 de Novembro em Seoul Arts Center  (예술의전당)  as 20:00,  tocando músicas de Johannes Brahms.

Leda nasceu em São Paulo, e fez sua estreia orquestral com a Orquestra Sinfônica de São Paulo com a idade de 12, sob o maestro Eleazar de Carvalho.

Ela ganhou vários concursos no Brasil e também várias competições nos Estados Unidos, incluindo o concurso da grande orquestra, Great Neck Symphony, que contou com ela no “Young Artist Showcase” uma apresentação na famosa McGraw-Hill do jornal Americano, The New York Times e na estação de rádio WQXR.

Leda se formou em música na Juiliard School e tocou com umas das maiores orquestras Americana, a American Symphony Orchestra e a Coreana, a Orquestra Sinfônica da Corea.